A sua verdade não vale de nada...




A sua verdade não vale de nada se não for, para o outro, uma verdade que seja verdade para ele também.


Tudo que você julga como certo ou errado está referenciado às suas crenças, a tudo o que você aprendeu em sua vida. Assim funciona para a outra pessoa também, ou seja, se os seus valores e crenças são diferentes dos valores e crenças do outro, será difícil chegar a um lugar comum em uma discussão. É neste momento que o ditado "melhor ser feliz ou ter razão?" se encaixa superbem. Não acho que o significado de ser feliz esteja relacionado a concordar com a verdade do outro, e sim aceitar as diferenças, e não ficar brigando por uma verdade única e absoluta.


Hoje, penso que todas as verdades são importantes: a minha, a sua, a do outro... Sendo que cada verdade não precisa ser rígida, mas servir de parâmetro para nos guiar em nossas vidas. Em outras palavras, tenha a sua verdade como um guia interno, mas também com flexibilidade suficiente para ouvir e aceitar verdade do outro, respeitando as diferenças. Assim, os seus relacionamentos se tornarão mais leves e tranquilos.


Tatiana Auler

Psicóloga

CRP 05/56969

38 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo