Construa uma meta para ser feliz


Trabalho com comportamento humano há mais de 15 anos e o que vejo em comum em todas as pessoas — e acredito que com você não seja diferente — é a busca pela felicidade. Antes de falar sobre a sua meta para ser feliz, precisamos nos colocar, na mesma página, o que quer dizer felicidade. Para começar, temos que entender que felicidade e alegria são semelhantes, mas nem sempre estão caminhando juntas. A felicidade é um sentimento; a alegria, uma emoção.


Vou te explicar melhor: quando alguém te pergunta se você se considera uma pessoa feliz, você busca na razão uma resposta, ou seja, faz uma avaliação da sua vida para poder considerar se és uma pessoa feliz ou não, certo? A felicidade é um sentimento. Por isso, é um entendimento racional sobre o que vivemos, com um julgamento que responde por "Sim, sou feliz", ou por "Não, não sou feliz", dependendo do conjunto de experiências que acontecem em nossas vidas. Já a alegria, é uma emoção. Como toda emoção, trata-se do nome que damos a uma sensação física que temos de prazer com uma gargalhada, um bom passeio, uma conquista, um bom encontro... Isso quer dizer que você pode até considerar que a sua vida não esteja boa, e portanto não se diz feliz, mas, apesar desse julgamento, ter um momento ou outro de alegria.


Dito isso, vamos a sua meta em busca da felicidade!!! Podemos considerar que somos felizes quando observamos a nossa vida e reconhecemos que existem mais coisas que dão prazer do que desprazer. Por esse motivo, é necessário que você comece a eliminar as coisas que te fazem mal. Quanto a essas "coisas" a que me refiro, podemos considerar o trabalho, pessoas, moradia, hábitos... tudo o que você experimenta na vida. É claro que a ideia não é sair em busca de realizar uma vida perfeita sem nenhum desprazer. Isso seria uma doce ilusão. Até a própria felicidade é composta de prazeres e desprazeres. Com relação ao trabalho, por exemplo, pode ser que você não tenha, neste momento, uma alternativa de modificar a sua área profissional, mas isso não quer dizer que não existam alternativas. É muito mais uma questão de montar estratégias para a mudança acontecer, mensurar as consequências e fazer a transição acontecer.


O segredo da felicidade é aprender a manter a vida em pleno equilíbrio. Isso significa que a oscilação entre tempos difíceis, tempos tranquilos, tempos maravilhosos... acontece e continuará acontecendo. Para manter a sua vida em pleno equilíbrio, é muito importante fazer um bom trabalho de autoconhecimento para desenvolver a sua inteligência emocional. Dessa maneira, aprenderá a gerenciar seus pensamentos, suas emoções e independentemente do que estiver acontecendo em sua vida, você terá controle sobre ela.


Tatiana Auler

Psicóloga

CRP 05/56969

12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Contato

whatsapp-cinza.png

Navegação

© Instituto de Treinamento Auler Ltda. | CNPJ 25.289.131/0001-61 | Atendimento@institutoauler.com.br | Tel.: (21) 99740-1860. 

Criação Brothers Design