Está cansada de ouvir abobrinha?

É verdade! Tem assuntos que são muito chatos e tem pessoas que, por não saber do que falam, acabam falando um monte de besteira.


E você? O que você fala é sempre relevante?

Vou te contar um segredinho: Quem “decide” se o que você fala é ou não é relevante, é o outro e não você. Sabia disso?


Bom, imagino que você não tenha concordado com o que eu disse, então vamos a explicação!


Imagine que o que você fala é um presente comprado para alguém. E que no momento da compra desse presente, sua escolha foi motivada por julgar que aquele objeto seria super útil para o outro. No entanto, você entrega o presente, e apesar de a pessoa agradecer, no dia seguinte ela faz a troca na mesma loja.


Algo parecido acontece quando você está num diálogo. Não é tudo que você fala que a outra pessoa julga ser importante. Pode ser que você fale e ela “recuse o seu presente”. E o mesmo pode acontecer ao contrário, concorda?


Isso acontece porque cada um tem seu próprio jeito de enxergar as coisas; por isso é importante saber respeitar.


Outra coisa é você achar que o que o outro fala não é do seu interesse. Pode ser que o outro fale sobre um determinado assunto que você não gosta, que não te interessa… Caso isso aconteça, entenda que você e o outro tem interesses diferentes e que provavelmente o que você fala também é “abobrinha” para essa pessoa.


A dica, é buscar falar sobre assuntos que sejam de comum interesse para os dois. Dessa maneira, você conseguirá estabelecer diálogos mais saudáveis nas suas relações.


Tatiana Auler

Psicóloga

CRP 05/56969



8 visualizações0 comentário

Contato

whatsapp-cinza.png

Navegação

© Instituto de Treinamento Auler Ltda. | CNPJ 25.289.131/0001-61 | Atendimento@institutoauler.com.br | Tel.: (21) 99740-1860. 

Criação Brothers Design