Mude o jeito que você pensa e pare de se sentir mal


Você já deve ter ouvido falar que o pensamento tem muita força. E tem mesmo! Quando falamos que o pensamento tem muita força, associamos aos nossos desejos. Ex.: Vou rezar para fulano melhorar, vou pensar positivo para que aconteça...


O que não podemos esquecer é que a mesma força que o seu pensamento tem para o bem, tem para o mal.


Imagina uma tela em branco. Você tem a possibilidade de preenchê-la com qualquer coisa. Dependendo do que você colocar ali, ao "olhar" para essa tela, sentirá uma emoção. O que quero dizer é que, se você escolhe "pintar" bons pensamentos, se sentirá melhor do que se "pintar" pensamentos ruins.


Pensar coisas ruins acaba virando um vício. Quanto mais coisas ruins você pensar, mas a sua mente ficará na defensiva, e tudo que vier do mundo para você pode se tornar uma ameaça ao olhar da mente. O que vai acontecer é igual àquela brincadeira de derrubar o dominó: o primeiro pensamento pode ser bom, como o primeiro dominó da fileira que está em pé, e, se o mantiver, os demais pensamentos continuarão sendo bons, e a fila de dominó não cairá. Agora, se você pensa algo ruim, é como derrubar o primeiro dominó, todos os outros caíram. Isso significa que os seus próximos pensamentos serão tão ruins quanto o primeiro.


É preciso parar esse ciclo, deixar um dominó em pé para que os outros continuem em pé também.


Dica da Tati:


VAMOS entender a sua forma de pensar?


Pensamentos ruins são pensamentos que podem partir das seguintes emoções:


Medo

Temor

Frustração

Depressão

Ansiedade

Susto

Culpa

Pânico

Vergonha

Desapontamento


Vou fazer algumas perguntas para você medir a quantidade de pensamentos ruins que nutre.


A cada pergunta, se o seu pensamento for bom, pode pular e partir para a próxima, pois pensamentos bons geram boas emoções.


VAMOS COMEÇAR!


Papel e caneta na mão. Escreva de 0 a 10 na sua folha dessa maneira:


0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10


0 É NADA

5 É MÉDIO

10 É O MÁXIMO QUE JÁ SENTIU


1- Quando lhe apresentam uma nova ideia, algo desconhecido para você, qual a emoção? De 0 a 10, qual a intensidade?


2. Quando alguém lhe pede para você fazer alguma coisa que lhe é desconhecida, qual a emoção? De 0 a 10, qual a intensidade?


3. Se você pensa em fazer uma viagem ou algo novo em sua vida, qual a emoção? De 0 a 10, qual a intensidade?


4. Em relação ao que você é hoje, ao seu dia a dia, qual a emoção? De 0 a 10, qual a intensidade?


5. Quando pensa em um relacionamento e na continuidade dele, qual a emoção? De 0 a 10, qual a intensidade?


6. Quando pensa em seus colegas de trabalho, qual a emoção? De 0 a 10, qual a intensidade?


7. Quando pensa no que as pessoas pensam de você, qual a emoção? De 0 a 10, qual a intensidade?


8. Quando pensa em você mesmo, qual a emoção? De 0 a 10, qual a intensidade?


Se a maioria das suas respostas for de 7 para cima, é sinal de que precisa começar a ter pensamentos que funcionem a seu favor. Para isso, faça um bom trabalho de autoconhecimento e entenda o que faz você pintar a sua tela em branco com pensamentos tão ruins.


Deixe seu comentário e dica para o próximo tema!


Tatiana Auler

Psicóloga Comportamental

CRP 05/56969

32 visualizações0 comentário

Contato

whatsapp-cinza.png

Navegação

© Instituto de Treinamento Auler Ltda. | CNPJ 25.289.131/0001-61 | Atendimento@institutoauler.com.br | Tel.: (21) 99740-1860. 

Criação Brothers Design