Tenho medo de ser julgado!


Quantas vezes você se deparou com o medo de ser julgado pelo outro? E com pessoas que te dizem que você precisa saber aceitar uma crítica? Parece meio antagônica a ideia de ter receio em ser julgado e a necessidade de aprender a lidar com isso.


Vamos começar a nossa elaboração em relação ao julgamento… pensemos sobre a necessidade ou não de sua existência. Para que serve o julgamento? Julgar como certo ou errado, feio ou bonito, bom ou ruim… é uma necessidade para estabelecermos parâmetros, impormos limites, definirmos estratégias, posicionamentos… e por aí vai! Mas por que será que é tão desconfortável quando uma pessoa nos julga? Penso que o problema não é a ação em julgar e sim as palavras que são utilizadas, tom de voz, postura corporal, expressão facial, que estão presentes no momento do julgamento.


Você já percebeu quantos conflitos são gerados por conta de uma comunicação cheia de ruídos? A falta de habilidade em se comunicar, faz com que no momento de expressar um julgamento, o outro receba de uma maneira ruim. Então o problema seria não aceitar um julgamento ou a maneira que ouvimos o julgamento?


Tente se lembrar de algum professor, chefe, bom amigo, parente… lembre-se de alguma pessoa que um dia te fez um julgamento, uma crítica usando palavras gentis, um bom tom de voz, como você se sentiu? Será que é você quem não sabe receber bem um julgamento ou o outro que não tem habilidade de se comunicar?


O que quero te dizer com esse texto, é que nem tudo se trata de um problema seu, que você sabe ou não sabe algo. Em vez de se sentir ameaçado por uma possibilidade de julgamento, tente observar se essa pessoa que te julga não tem problemas em seus próprios relacionamentos por conta da maneira de lidar com o outro.


Tatiana Auler

Psicóloga

18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo